Você sabe o que faz um desembargador? Descubra aqui!

Últimas Novidades

o que faz um desembargador

Você sabe o que faz um desembargador? Descubra aqui!

O que faz um desembargador é uma dúvida que muitas pessoas, principalmente aquelas interessadas na área, se fazem. Porém, para seguir nessa carreira, é necessário ter conhecimento e muito prestígio pela área jurídica. 

Antes de mais nada, é importante dizer que esses profissionais são os juízes de segunda instância do Brasil. Sendo assim, eles são os responsáveis por solucionar os processos que não foram finalizados em um primeiro julgamento. 

o que faz um desembargador

Seu sonho é ser desembargador? Veja aqui qual curso você precisa fazer para se tornar realidade!

Descubra o que faz um desembargador

Primeiramente, o que faz um desembargador é uma dúvida comum entre as pessoas. Basicamente, esses são os profissionais responsáveis por solucionar os processos que não foram devidamente finalizados em um primeiro processo. 

Inclusive, esse é um dos cargos de maior destaque dentro do segmento jurídico. Sendo assim, os desembargadores são também considerados os juízes de alto escalão do Brasil. Então, se você tem interesse em seguir na área, vale a pena conhecer mais informações sobre ela. 

Antes de saber o que faz um desembargador, é importante dizer que essa carreira é o auge para os graduandos em Direito. Além disso, trata-se de um cargo disponível para poucas pessoas. Inclusive, só existem cerca de dois mil desembargadores no Brasil. 

Quais são as principais atribuições de um desembargador?

Agora que você sabe, resumidamente, o que faz um desembargador, provavelmente está curioso para descobrir quais são suas principais atribuições. 

Como citado anteriormente, esse cargo é para poucas pessoas, além de ser o auge dos estudantes que se formam em Direito. Levando essas características em consideração, veja quais são suas principais atribuições:

Realizam o julgamento e a revisão das ações

É muito comum que os desembargadores sejam responsáveis por resolver as demandas que não foram julgadas em uma primeira instância. Afinal, sempre existem possibilidades delas serem julgadas erroneamente, ou exista uma insatisfação com aquilo que foi determinado. 

Então, independentemente da área, cabe ao o que faz um desembargador resolver essas pendências. São eles que atribuem novas decisões, que por sua vez recebem o nome de acórdão.

Vale ressaltar que a maioria do trabalho dos desembargadores será resolvido em conjunto. Isso porque, enquanto a sentença é determinada por um único juiz, o acórdão deve ser desenvolvido por um órgão colegiado

Isso significa que ele é resolvido por um grupo de desembargadores. Até porque, como um dos aspectos de o que faz um desembargador é uma revisão cuidadosa, é preciso analisar por completo a situação, principalmente para que o resultado seja satisfatório.

Fazem o julgamento de crimes de órgãos públicos

Para melhor compreensão de o que faz um desembargador, é importante citar que eles são os responsáveis por julgar os crimes de órgãos públicos. Ou seja, tanto dos juízes dos estados e Distrito Federal, sem contar com os ministérios públicos. 

Essa função é popularmente conhecida como prerrogativa de função. Isso significa que, todos os funcionários públicos, devem ser julgados pelos tribunais de seus estados. Portanto, fica a cargo do desembargador solucionar esses casos. 

o que faz um desembargador

Como atuar como desembargador?

Agora que você conhece as principais funções de o que faz um desembargador, provavelmente está curioso para descobrir como seguir nessa carreira de alto escalão do país. 

Primeiramente, caso tenha interesse em se tornar um desembargador, é necessário ingressar em uma faculdade de Direito. No Brasil, existem várias opções de cursos nessa modalidade, lembre-se de escolher uma que melhor atende suas necessidades.

Além disso, é importante contar com uma instituição de ensino que esteja presente com você em todos os momentos. Até porque, de nada adianta entrar em um curso e não contar com o apoio necessário para finalizá-lo. 

Normalmente o curso de Direito tem uma duração média de cinco anos. Afinal, a grade curricular desse curso é extensa, com matérias que envolvem a área de direito e humanas, que acabam tendo relação indireta com essa carreira. 

Tenha em mente que bons cursos de direito tendem a receber a característica de serem “puxados” ou “dificeis”. Afinal, eles exigem a leitura, além de existir uma grande cobrança por parte dos professores. 

Durante o curso, é comum que sejam realizados debates entre os estudantes, assim como outras apresentação. Até porque, somente dessa maneira é possível desenvolver a sua oratória, assim como argumentação e raciocínio.

No fim dos semestres, os estudantes devem realizar estágios, que normalmente são feitos em escritórios de advocacia ou empresas. Esse é o melhor momento de aplicar seus conhecimentos, que foram desenvolvidos dentro da sala de aula. 

Por fim, para se graduar na área, os estudantes devem realizar o TCC. Embora a maioria dos estudantes estudem para obter a OAB, saiba que ela não é exigida para quem quer seguir na carreira de desembargador.

Porém, mesmo que você pule esse exame, saiba que a caminhada para chegar até esse cargo será longa! Lembre-se que para que possa chegar a esse nível um dia, é necessário seguir uma função da área jurídica.